Início » DESTINOS » BRASIL » RIO GRANDE DO SUL » Gramado e Canela – Terra de sonhos e encantos
Cascata do Caracol

Gramado e Canela – Terra de sonhos e encantos

Compartilhe com seus amigos!

Conhecer Gramado e Canela sempre foi um sonho, mas que demorei um pouco para realizar. Quando olhamos as fotos da cidade na internet, tudo parece mágico, como uma terra de fantasias.

Eu não consigo distinguir Gramado de Canela, pois ambas estão tão próximas em termos de distância, que são como uma só. Tudo lá é lindo, que a cidade realmente parece que saiu de um conto de fadas. Para se ter uma ideia, em um dos dias da viagem nós nos perdemos e ficamos dando voltas por Gramado. Cada esquina que a gente virava revelava uma rua mais bonita que a outra. Nos dias que passamos lá não vimos um único lugar feio ou mal cuidado.

Outra coisa que também nos chamou atenção é que em Gramado não existem semáforos. Pelo menos não vimos nenhum. No centro, por exemplo, as ruas são largas, com cerca de três faixas de carro em cada direção. Mas, é só se aproximar da faixa de pedestres que TODOS os carros param para você passar. É realmente uma sensação de está fora do Brasil como nunca vista em nenhum outro lugar do Brasil.

QUANDO IR

Gramado é linda em qualquer época do ano, e cada estação oferece encantos diferentes ao turista. Na primavera a cidade de enche do colorido das flores, principalmente hortênsias, o que faz com que adquira uma beleza sem igual.

No outono, não temos flores, mas as folhagens das árvores perdem sua cor e adotam um tom de dourado LINDO, que nos lembra cenas do filme “Outono em Nova Iorque”. No verão, principalmente em dezembro, a cidade se reveste de luzes de Natal e adquire um ar ainda mais mágico.

O inverno, por sua vez, tem um encarto especial: o frio. Gramado é o destino ideal para curtir tudo que o frio nos oferece. Massa, vinho, neblina, frio intenso e gostoso, hotéis maravilhosos, tudo para conseguir tirar o melhor proveito da estação. Foi pelo inverno que resolvemos começar, e pegamos MUITA neblina, principalmente a noite, como nunca tínhamos visto antes.

COMO CHEGAR

A maneira mais fácil de ir a Gramado e Canela é o combinado de avião + carro. Você pode optar por ir de ônibus até gramado, mas precisará de um carro para se locomover entre as atrações da cidade e para ir até Canela.

O aeroporto mais próximo é o de Porto Alegre, a cerca de 115 km. Lá é possível encontrar diversas locadoras de veículos com diversos preços. Nós utilizamos a RentCars para alugar nosso carro com antecedência e pagamos bem mais barato e sem nenhum contratempo.

ONDE FICAR

Imagine que Gramado é parecido com Campos do Jordão. Dependendo da época em que for os hotéis podem cobrar preços bem elevados da diária. Algumas das melhores (e mais caras) opções são:

Mas também é possível encontrar algumas opções mais acessíveis, desde que não faça questão de ficar no centro da cidade, e diminua um pouco o padrão de conforto.

Nós optamos pela Pousada Vila da Neve. Ela fica um pouco mais afastada do centro, mas está bem próxima da Snowland (o que nos fez economizar com estacionamento). A pousada não oferece o mesmo luxo que os hotéis acima, mas é bem confortável e com um preço muito acessível.

O QUE FAZER

Gramado oferece uma infinidade de coisas para fazer e a maioria são passeios pagos. Nós não fizemos todos os passeios (pagos), apenas aqueles que fazem mais sentido para nosso estilo. Mas como isso é uma coisa bem pessoal, vou deixar aqui todas as opções e indicação de outro blog que possa te ajudar com resenhas dos passeios que não fizemos. Assim, você poderá ter uma visão mais completa dos atrativos e escolher aquilo que mais te agrada.

Lago Negro – Gramado

O lago tem esse nome pois suas margens são decoradas com árvores importadas da Floresta Negra da Alemanha. Possui uma beleza surpreendente, mesmo no inverno. Com acesso livre 24 horas por dia, o lago é um dos melhores passeios gratuitos de Gramado.

O lago oferece passeios de pedalinhos funcionam diariamente das 8h30 às 19h.

Le Jardim Parque de Lavanda – Gramado

Sendo o primeiro parque de lavandas do Brasil, o Le Jardim foi inspirado nos parques de lavanda da Europa e dos EUA. Possui acesso livre e funciona de terça a domingo das 9h30 às 17h30.

Alemanha Encantada – Gramado

Outra opção de passeio gratuito em Gramado, a Alemanha Encantada foi inspirada nos contos dos Irmãos Grimm. O parque retrata através dos cenários, da arquitetura e  de esculturas, as histórias que um dia habitaram a imaginação e os sonhos de crianças e adultos.

Localizada na frente do Lago Negro, o parque possui uma torre com 19,5 metros de altura, onde a Rapunzel espera seu príncipe encantado e de onde se pode ter uma vista inédita e privilegiada do Lago Negro. Para subir na torre é necessário adquirir ingresso no local.

Parque Knorr: Aldeia do Papai Noel – Gramado

Quem me conhece ou acompanha o Rotas Incríveis, sabe que sou completamente apaixonada pelo Natal e todos os seus encantos e luzes. Então conhecer o Parque Knorr para mim foi absolutamente mágico. Foi o melhor parque com tema de Natal que já vi até hoje. O lugar é completamente mágico, com Árvore dos Desejos,  Chalé dos Ursos, Fábrica de Brinquedos, além da primeira casa da região em estilo bávaro, datada de 1940, toda decorada com motivos natalinos, onde hoje mora o Papai Noel.

Papai Noel também tem um monorail lindo, que se move em um único trilho suspenso à beira do vale do quilombo, único deste tipo no sul do Brasil. O parque também possui um mirante de onde pode ser apreciada a melhor vista do Vale do Quilombo.

Snowland – Gramado

Snowland é o primeiro parque “Indoor” com neve de verdade das Américas e para quem nunca viajou para esquiar, pode ter uma boa noção aqui. O ingresso dá direito a acesso livre e ilimitado em todas as atrações, exceto na Montanha de Neve. Que por sua vez, não ter limite de tempo para permanência, mas você só poderá entrar uma única vez.

A temperatura dentro da montanha varia entre -5°C e -3 °C e exige roupa especial para neve, disponibilizada gratuitamente pelo próprio parque (bota, calça, jaqueta e luva).

Confira mais detalhes sobre os atrativos do Snowland no blog Let’s Fly Away.

Parque Estadual do Caracol – Canela

Visitar a Cascata do Caracol era sem dúvida um dos momentos mais aguardados dessa viagem. Com 131 metros de altura, a cascata é a principal atração de Canela e um dos principais cartões postais da Serra Gaúcha. É também um dos pontos turísticos mais visitados do Brasil.

Catedral de Pedra – Canela

A Catedral de Pedra, como é mais conhecida, é uma grandiosa e imponente construção em estilo gótico, idealizada pelo cônego João Marchezzi.

Mundo a Vapor – Canela

O Mundo a Valor é um dos cartões postais de Canela e mesmo que você não tenha interesse nas atrações internas, precisa no mínimo parar para conferir o enorme trem caído em sua fachada.

Outras opções de passeios

Além das opções citadas acima, ainda existe uma infinidade de outras opções que Gramado e Canela oferecem. A maioria trata-se de parques fechados e pagos. Confira abaixo algumas opções famosas na região:

Dreamland

Trata-se na realidade de um conjunto de atrativos. Eu não fui em nenhum, mas depois de ler esse relato sobre as atrações da dreamland, confesso que fiquei com vontade.

Mundo de Chocolate

Já imaginou um parque inteirinho feito de chocolate? O blog Let’s Fly Away nos conta sobre esse maravilhoso mundo de chocolate em Gramado.

Mini Mundo

Criado pela família Höppner em 1981, nele funciona a fantasia de uma cidade em miniatura, ao estilo Legoland, na Dinamarca.  Mostra réplicas de castelos, ferrovias, moinhos, praças, igrejas, estaleiros, teleféricos, torres, lagos, cascatas e casas típicas, num mundo imaginário e criativo.

Ficou interessado? Então saiba mais detalhes sobre o Mini Mundo Gramado.

ONDE COMER

Gramado oferece uma variedade enorme de restaurantes, mas para os apaixonados por massa como eu, quero deixar a indicação da Pastasciutta. O restaurante é inteirinho temático e oferece massas deliciosas, com preço justo.

Nós pedimos talharim com filé mignon ao molho quatro queijo e estava simplesmente sensacional.

QUANTO TEMPO

O tempo ideal para ficar em Gramado depende diretamente do número de atrações que você quer conhecer e se pretende fazer algum passeio pelos arredores. De modo geral, considere de três a quatro dias para ficar apenas em Gramado e Canela.