Início » DESTINOS » BRASIL » PARANÁ » O que fazer em Ponta Grossa
Cânion e Cachoeira do Rio São Jorge

O que fazer em Ponta Grossa

Compartilhe com seus amigos!

Uma das principais cidades do Paraná, Ponta Grossa está distante cerca de 115 km de Curitiba, 515 km de São Paulo, 417 km de Florianópolis e 856 km de Porto Alegre.

Localizada na região dos Campos Gerais, Ponta Grossa é conhecida como a Princesa dos Campos paranaense. Integrante da Rota dos Tropeiros, a cidade possui inúmeros atrativos naturais e é parada obrigatória para todo amante da natureza.

COMO CHEGAR

  • De avião

O aeroporto mais próximo é o de Curitiba, a cerca de 132 km. Do aeroporto é possível seguir de carro alugado ou de ônibus.  Para quem deseja ir de ônibus, a viação Princesa dos Campos, faz o trajeto Aeroporto-Ponta Grossa.

  • De ônibus

Para quem está em São Paulo, a viação Catarinense possui ônibus que fazem o trajeto direto de São Paulo a Ponta Grossa. Para as demais capitais, será necessário pegar um ônibus até Curitiba. Para pesquisar passagens de ônibus, costumo utilizar o site da ClickBus, que trabalha com dezenas de empresas.

  • De carro

Para quem vai de carro, partindo de Curitiba, o acesso é feito principalmente pela BR-376. Para quem parte de São Paulo, o acesso é feito pela SP-258.

  • Circulando em Ponta Grossa

A melhor maneira de circular em Ponta Grossa é de carro, uma vez que a maioria dos atrativos que serão citados estão longe do centro da cidade. Para aluguel de carro, sempre utilizo o RentCars, que oferece diversas opções.

O QUE FAZER EM PONTA GROSSA

Buraco do Padre e Fenda da Freira

O Buraco do Padre é um dos principais atrativos de Ponta Grossa e um dos principais do estado. Trata-se de uma furna onde é possível vê-la tanto da parte interna, como do alto. Além da furna, outro interessante atrativo é a fenda da freira.

Leia mais:

Buraco do Padre e Fenda da Freira

Parque Estadual de Vila Velha

Com imensas formações de arenitos, que ao longo dos anos adquiriram forma de objetos, pessoas e animais. O Parque Estadual de Vila Velha é ponto de parada obrigatório para quem vai ao Paraná.

Leia mais:

Parque Estadual de Vila Velha

Cânion e cachoeira do Rio São Jorge

Além da trilha que segue o percurso do rio até a cachoeira principal, o local também abriga uma área de Camping. Para visitação, cobra-se uma taxa de R$ 15,00 por pessoa. Caso deseje acampar, a taxa é de R$ 30,00. O sítio é muito bonito, e passamos por belíssimas paisagens. Ao longo do percurso que beira o rio, temos áreas próprias para banho. No entanto, achei a estrutura geral do sítio muito ruim se comparada com as demais da cidade. A trilha que leva até a cachoeira principal é muito mal sinalizada e tivemos dúvidas de por onde seguir em grande parte do caminho. Tirando esse fato, a cachoeira é linda e vale a visita.

Cachoeira da Mariquinha

A Cachoeira da Mariquinha está localizada a cerca de 30 km do centro de Ponta Grossa. Aos pés da cachoeira forma-se um poço excelente para banho. Paga-se uma taxa de R$ 10,00 por pessoa para entrar. O estacionamento é gratuito. A trilha que segue até a cachoeira é bem tranquila e fácil de ser seguida, embora não ofereça muita acessibilidade a pessoas com dificuldade de mobilidade. Um ponto negativo é que por aqui, costuma ter bastante gente, então o espaço é mais disputado.

Parque Estadual do Guartelá

O Parque Estadual do Guartelá está localizado no município Tibagi, a cerca de 85 km de Ponta Grossa. No entanto, o acesso é feito por estrada e é muito fácil e rápido de chegar. O parque é simplesmente lindo, o que mais gostei dessa viagem. Oferece uma estrutura maravilhosa para o turista e o melhor, tudo isso de graça. Não deixe de incluí-lo em seu roteiro!

Leia mais:

Parque Estadual do Guartelá

Catedral de Sant’Ana

O centro de Ponta Grossa também oferece alguns atrativos, como a Catedral de Sant’Ana. É uma boa alternativa para no fim da tarde, quando sair para jantar, aproveitar para passear um pouco para conhecer a cidade. A catedral teve diversas fases de construção, evoluindo até a forma em que se encontra atualmente.

Natal Iluminado

Todos os anos Ponta Grossa realiza o evento chamado Natal Iluminado, com apresentações que ocorrem no centro da cidade. Para quem possui crianças é uma excelente opção. Além das apresentações, no local acontece uma feirinha com barraquinhas de rua que vende comidas e artesanato. É de fato uma programação bem legal para a noite.

Porto Brazos

A Porto Brazos é uma produtora especialista em produtos feitos a base de Amora. Ela está localizada na mesma estrada que nos leva até o Buraco do Padre. Então uma boa dica é aproveitar para visitar o Buraco do Padre de manhã, e já aproveitar o almoço por aqui. As opções de comida são limitadas, mas saborosas. Eu optei por uma panqueca mista de carne e queijo que estava muito boa. Fora isso, o suco de amora também estava muito saboroso. Mas o grande feito vai para as sobremesas feitas com amoras. Eu fui com tanta sede ao pote para comê-las, que esqueci de tirar fotos haha.

QUANTOS DIAS

Para curtir todos os atrativos que postarei aqui, são necessários de 2 a 3 dias. Deixarei abaixo o roteiro que segui de maneira muito tranquila e com sobra de tempo.

Dia 1
  • Sai de Guarulhos às 3h (de carro), chegando em Ponta Grossa por volta das 10h, com parada para café da manhã.
  • Buraco do Padre e Fenda da Freira.
  • Parada para almoço na Porto Brazos.
  • Cachoeira da Mariquinha.
Dia 2
  • Parque Estadual do Guartelá.
  • Cânion e Cachoeira do Rio São Jorge.
  • Natal Iluminado a noite.
Dia 3
  • Parque Estadual de Vila Velha de manhã.

Dica:

Além do Guartelá, próximo a Ponta Grossa, tem várias cidades super bacanas para um bate-volta. A Ana, do blog Quer Saber? Amo Viajar, nos conta tudinho sobre o que fazer em Lapa. Confesso que me arrependi de não ter destinado mais um dia para conhecer essa cidadezinha são charmosa.

ONDE FICAR

Ponta Grossa oferece uma gama muito grande de hotéis e pousadas. Tem para todos os bolsos e estilos. Eu optei pelo Bourbon que possui um bom preço na cidade e a rede é sempre garantia de sucesso. Não teve erro, tanto o quarto quando o serviço do hotel foram impecáveis.

No booking existe diversas outras opções. Uma opção mais charmosa e com menos estilo de hotel de negócios, é o Hotel Princess Express. A localização também é muito boa.

Fazer um blog de viagem era um sonho antigo, que finalmente consegui realizar. Adoro escrever, falar de viagem e ajudar as pessoas a encontrar a próxima rota incrível para chamar de sua. Sou filha de fotógrafos e herdei dos meus pais a paixão por fotografia. Mas mais do que tudo, adoro viajar, conhecer novos lugares, novas culturas. Para mim viajar é terapia, é aprendizado, é realização. Tem uma frase de Santo Agostinho que me define completamente, que diz que "o mundo é um livro, e aqueles que não viajam leem somente uma página".