Início » DESTINOS » BRASIL » PARANÁ » Buraco do Padre e a Fenda da Freira
Buraco do Padre

Buraco do Padre e a Fenda da Freira

Compartilhe com seus amigos!

O Buraco do Padre é um dos atrativos turísticos mais famosos do Paraná. Localizado a cerca de 24 km de Ponta Grossa, e 122 km de Curitiba, sua principal atração é a Furna, que possui em seu interior uma imponente cachoeira com 30 metros de altura.

BURACO DO PADRE

O parque foi batizado com esse nome devido sua história ligada aos Padres Jesuítas, que utilizavam a furna como local de meditação. Atualmente o parque possui duas trilhas: principal e do favo.

A trilha principal nos leva até o interior da furna e é bem tranquila de ser seguida. Desde 2017 recebeu passarelas de madeira, que garante acesso a todos os visitantes.

A trilha do favo nos leva até o topo da furna, a Fenda da Freira e ao Favo (ponto de escalada). Essa trilha é considerada de nível médio. No meu caso, deixei de fora o ponto de escala ao Favo.

COMO CHEGAR

O acesso ao Buraco do Padre é feito pela Rodovia do Talco – PR 513, na altura do do Km 14. Lembrando que o caminho até a entrada do parque, percorre-se cerca de 5 km de estrada não pavimentada, porém em boas condições.

ATRATIVOS

Como já mencionamos, o parque possui principalmente dois atrativos: a furna, que pode ser vista por cima ou por dentro, e a fenda da freira.

Furna – Interior

Cartão postal do parque e um dos cartões postais do estado do Paraná, o interior da furna é realmente impressionante. É possível ver diversos pássaros voando e circundando a cachoeira. É de fato um local de muita paz e tranquilidade.

Furna – Superior

A trilha que leva até a parte superior da furna não é tão complicada, embora seja bastante perigosa. É necessário segui-la com bastante atenção, pois ela segue bem próxima de precipícios e fendas. Mas, seguindo com cuidado as recomendações de segurança, é possível percorrê-la com tranquilidade. Lembre-se sempre: NUNCA PULE UMA FENDA.

Da parte de superior é possível ver apenas parcialmente a furna. E não é possível ver a cachoeira, mesmo tentando vários ângulos. Honestamente, a visão do interior é bem mais legal, mas já que estamos aqui, vale a visita.

Fenda da Freira

A Fenda da Freira trata-se de uma passagem entre duas montanhas que estão separadas apenas por uma pequena fenda. O seu interior é bem interessante, a cada passo, uma visão diferente. Outra curiosidade interessante, é que seu interior parece um ar condicionado natural. No dia que visitei o parque estava muito quente, e dentro da fenda estava bem fresquinho, uma delícia!

Uma coisa que eu estava preocupada quando decidi entrar na fenda, era a possível presença de morcegos e outros animais. Mas a recomendação neste caso é para fazer silêncio dentro da fenda. Apesar da vontade imensa que dá de gritar, não grite e não fale alto, pois o som se propaga muito lá dentro. Seguindo esta recomendação, você não terá problema com nenhum animal e poderá curtir seu passeio com tranquilidade.

A trilha que leva até a fenda é um pouco mais complicada que as demais. Quando cheguei no final da trilha tive a impressão que estava no lugar errado, pois é muito alto. Mas não se preocupe, existe galhos que te auxiliam a descida, e o que parecia difícil, torna-se fácil.

Trilha do Favo
Área para Churrasco e Lanchonete
Informações Úteis
  • O parque conta com uma lanchonete, banheiros, área para churrasco e estacionamento gratuito.
  • O ingresso custa R$ 20,00 inteira e R$ 10,00 a meia entrada.
  • É possível banhar-se no interior da furna.
  • Caso decida fazer a trilha do favo, vá de tênis.

Para compra de ingressos, confirmação de horários e outras informações, visite o site do Buraco do Padre.

Fazer um blog de viagem era um sonho antigo, que finalmente consegui realizar. Adoro escrever, falar de viagem e ajudar as pessoas a encontrar a próxima rota incrível para chamar de sua. Sou filha de fotógrafos e herdei dos meus pais a paixão por fotografia. Mas mais do que tudo, adoro viajar, conhecer novos lugares, novas culturas. Para mim viajar é terapia, é aprendizado, é realização. Tem uma frase de Santo Agostinho que me define completamente, que diz que "o mundo é um livro, e aqueles que não viajam leem somente uma página".